quarta-feira, 16 de março de 2011

A simples maneira de amar...




"O rio passa ao lado de uma árvore, cumprimenta-a, alimenta-a, dá-lhe água...
E vai em frente, dançando. Ele não se prende à árvore.
A árvore deixa cair suas flores sobre o rio em profunda gratidão 

e o rio segue em frente. O vento chega, dança ao redor da árvore 
e segue em frente.  E a árvore empresta o seu perfume ao vento...
Se a humanidade crescesse, amadurecesse, essa seria a maneira de amar."

Autoria: Osho


Não tenho o desprendimento dos rios e nem o do ventos... Diante de uma árvore, sinto vontade de acampar sob sua copa ... Igualmente, sinto vontade de ficar à "sombra" das delícias que emanam das minhas melhores amizades... Quando parto, deixo meu carinhoso adeus e sigo em frente, levando comigo o perfume dos sentimentos compartilhados...

Em suma, é quase a mesma coisa: dar e receber amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário