terça-feira, 22 de maio de 2012

Olhe e seja simples...



    Certamente, desde que você consumiu-se na política, seu problema não é apenas escapar da sociedade, mas voltar totalmente à vida, amar e ser simples. Sem amor, faça o que puder, você nunca conhecerá a ação total que sozinha pode salvar o homem. “Isso é verdade, senhor: nós não amamos, não somos realmente simples.” Por que? Porque você está preocupado com reformas, com deveres, com respeitabilidade, com vir a ser algo, em passar para o outro lado. Em nome de outro, está preocupado com você mesmo; está preso em sua própria concha. Você pensa que é o centro desta bela terra. Nunca se detém para olhar uma árvore, uma flor, o rio correndo; e se por acaso olhar, seus olhos estão cheios com as coisas da mente, e não com beleza e amor. “Novamente, isso é verdade; mas o que a pessoa pode fazer?” Olhe e seja simples.

Autoria: J. Krishnamurti

Nenhum comentário:

Postar um comentário