quinta-feira, 24 de março de 2011

Bem-te-vi...


 


Quando bem quiser
Tô guardando pra você
Um cacho de beijos
O meu sol pra te aquecer
Meu luar pra te ninar
Passar dias, virar noites
Dedicados a te amar
Quando bem quiser
Tenho roças de ternura
Capoeiras de desejos
Vazantes de amor de jura
Sou quero-quero
Te quero, quero pra mim
O teu cheiro, flor do mato
Pra plantar em meu jardim
Paixão assim
Se bem quiser, bom pra ti
minha sina, é ser o teu colibri
Os bem-te-vis
Espiam minha janela
Só pra ver se essa novela
Vai ter um final feliz...

Autoria: Fernando Rosa

Nenhum comentário:

Postar um comentário